Sistema Empresarial (ERP)

Anteriormente, em grandes organizações, diferentes sistemas de informação eram usados ​​para atender a diferentes funções de negócios, como vendas, marketing, produção, manufatura etc., separadamente. Os processos de negócios em cada função de negócios eram díspares e incapazes de compartilhar informações entre si. Era difícil para os gerentes reunir os dados fragmentados em sistemas separados, a fim de apresentar uma imagem geral das operações da organização e tomar decisões em toda a empresa.

No momento em que um cliente faz um pedido, por exemplo, o pessoal de vendas pode não ser capaz de informar se os itens desejados estão no estoque ou devem ser produzidos. Para superar essas dificuldades, nos últimos anos, muitas organizações optaram por substituir os vários sistemas de informações distintos por um único sistema integrado que pode suportar as atividades de negócios para diferentes funções de negócios. Esses sistemas são chamados de sistemas corporativos.

Um sistema corporativo, também conhecido como sistema de planejamento de recursos empresariais (ERP), é um sistema de informações multifuncional que fornece coordenação e integração em toda a organização dos principais processos de negócios e ajuda no planejamento dos recursos de uma organização. Com a ajuda dos sistemas de planejamento de recursos empresariais, as informações podem fluir perfeitamente pela empresa. Além disso, diferentes processos de negócios, de vendas, produção, manufatura, logística e recursos humanos, podem ser integrados aos processos de negócios em toda a organização.

Um sistema ERP é orientado pelo conjunto de softwares ERP – um conjunto de módulos de software integrados – e um banco de dados centralizado comum. Os módulos de software suportam os processos comerciais básicos em diferentes áreas funcionais, e o banco de dados armazena dados e alimenta os dados para vários aplicativos que suportam as atividades comerciais internas.

Alguns exemplos de processos de negócios suportados pelo software ERP incluem contas a pagar, contabilidade, administração e previsão de caixa, administração de pessoal, folha de pagamento, administração de tempo, administração de estoques, preços de produtos, cobrança, etc. Inicialmente, o software ERP foi projetado para automatizar os processos de negócios internos da empresa, mas agora também pode se comunicar com clientes, fornecedores e outros parceiros de negócios.

Para implementar sistemas ERP, as organizações precisam identificar os processos de negócios a serem automatizados e, em seguida, mapear esses processos para os processos fornecidos pelos sistemas ERP. Tudo isso requer uma grande quantidade de esforço. Além disso, as organizações podem achar que os processos de negócios desses sistemas não são capazes de suportar a maneira como os processos de negócios da organização funcionam.

Nesses casos, o software pode precisar ser personalizado para atender aos requisitos das organizações. Isso pode prejudicar não apenas o desempenho do sistema, mas também comprometer a integração de informações e processos. Portanto, para obter o máximo benefício do software de planejamento de recursos empresariais, as organizações devem mudar sua maneira de trabalhar de acordo com os processos de negócios do software, em vez de personalizá-lo.

Benefícios dos sistemas Enterprise Resource Planning (ERP)

  • Comunique rapidamente as informações críticas de toda a empresa sobre o desempenho dos negócios aos gerentes de toda a organização, para permitir que eles tomem melhores decisões e no momento certo.
  • Reduza o custo envolvido no processamento de transações, hardware, software e equipe de suporte de TI de maneira significativa.
  • Melhore a qualidade e a eficiência do serviço ao cliente, produção e distribuição, integrando os processos internos de negócios da empresa em vendas, finanças, produção, logística personalizada, etc.
  • Ajude a criar uma cultura organizacional mais uniforme, na qual todos usem tipos e processos semelhantes de informações para fazer negócios.
Sistema para gestão de empresa

Sistema ERP para empresa, como escolher.

A gestão de uma empresa é uma tarefa que demanda muito planejamento e empenho, já que precisa ser feita com total cuidado e atenção. Para isso, não há nada melhor que um sistema para gestão de empresa.

Para que uma empresa obtenha sucesso nas ações que emprega no mercado é necessário que seus processos, bem como as atividades que deles fazem parte, funcionem com excelência e de maneira satisfatória. Isso independe de seu porte ou do segmento em que atue, se não há organização, métodos claros e demandas bem executadas, dificilmente os bons resultados, que todo empresário e empreendedor almeja, serão alcançados.

É por isso que é tão fundamental que se tenha um sistema ou uma metodologia implementada, que determine com precisão os processos, as ações a serem executadas, os profissionais responsáveis por cada uma delas, entre muitos outros pontos essenciais para que tudo aconteça conforme o planejado dentro de uma empresa.

Plataforma de gestão de empresa em nuvem o Simplificado é voltada para pequenas e médias empresas. A ferramenta auxilia os negócios com funcionalidades como fluxo de caixa, relatórios, controle de contas, entre outros. Se antes tudo era feito em planilhas ou pelo contador, hoje os pequenos empresários podem administrar as finanças do negócio sozinho.

Quem é dono de pequena ou média empresa está cansado de fazer contas para aliviar os custos com sistemas e tecnologia da informação. Sistemas de gestão e outros programas utilizados no dia a dia podem levar um belo pedaço do orçamento mensal.

Comprar licenças e implantar softwares proprietários complexos com o Simplificado as empresas deixam de ter estes auto custos e passam a ter uma boa ferramenta de trabalho com baixo custo.

Qual o melhor sistema de gestão para o seu negócio?

Entender que a sua empresa precisa de um desses sistemas já é um bom sinal, que mostra que você realmente se preocupa com o assunto.

Veja o funcionamento do software na prática!

Depois de passar por tantas etapas, chegou a hora de saber como o sistema de gestão funciona na prática.

Para evitar futuros arrependimentos, o ideal é que a sua empresa possa ver o software em funcionamento antes de tomar a decisão final.

Para isso nos disponibilizamos período gratuito para testes e conhecimento sem nenhum custo e além de equipe especializada para dar suporte e atendimento.

Vejo como nossa plataforma de solução para gestão de empresa pode e trará resultados positivos ao seu negócio.

redes sociais para empresas

PARE DE ERRAR, APRENDA A USAR AS REDES SOCIAIS PARA A SUA EMPRESA

Quem não tem uma rede social atualmente? Hoje, este meio de comunicação se tornou essencial na vida da comunidade mundial. O uso das redes sociais acabou possibilitando um melhor contato entre pessoas de todos os locais.
Logo, as empresas começaram a se interessar por utilizar este tipo de meio como uma forma de divulgação, atingindo assim grande parte do público através de uma estratégia bem mais econômica.
Porém, assim como as redes sociais podem ser utilizadas como aliadas, o seu mal uso pode acabar manchando sua imagem no mercado. Por isso, hoje separei um tutorial completo para você, que busca utilizar esta ferramenta para o bem.

Vamos descobrir mais sobre?

1.CRIE UMA IDENTIDADE VISUAL

Uma das grandes estratégias utilizadas para as redes sociais é voltar o seu feed para uma única identidade visual. Mas, o que isto significa?
Pense bem, é muito mais fácil uma pessoa lembrar de uma marca na qual segue um padrão de cores e formas em todas as suas postagens do que uma que é totalmente bagunçada.
Então, utilize cores bases para formar seu feed em todas as plataformas, além de sempre deixar sua logomarca discretamente em casa imagem publicada.
Para este item, sugiro que você tenha um profissional especializado para realizar esta construção

2.SEGUIDORES

Outra grande dica para parar de errar de vez em suas redes sociais é o foco em seguidores que seguem o perfil de sua empresa. Por exemplo, se o seu ramo é voltado para maquiagens, o ideal é seguir aquele público que utilizaria o produto.
Desta forma, você acaba tornando o seu investimento de tempo selecionando este público mais vantajoso, pois as chances de receber algum retorno aumentam.
Claro, você também pode seguir pessoas que fujam deste padrão, desde que isto não vire cotidiano ou a grande maioria.

3. PERFIL PROFISSIONAL

Outro item que é essencial para fazer com que as redes sociais de uma empresa funcionem é tornar o seu perfil profissional. Isso porque é através desse tipo de perfil que você consegue colher informações essenciais de feedback.
Como exemplo, a empresa conseguirá identificar quantas pessoas conseguiram visualizar duas publicações, visitaram o seu perfil, salvaram o seu post, o horário de pico e aquele mais baixo em visualizações, os dias da semana de mais acesso, entre outros.
Isso acaba fazendo o setor de marketing de uma marca conhecer melhor o seu público, o que ele gosta e os dias em que o seu feed mais funciona. Desta forma, ficará muito mais fácil realizar uma intervenção sábia e que atinja seu público.

4. GERE ENGAJAMENTO

Através da solução citada acima, o foco das redes sociais deve passar a ser gerar engajamento. Para isso, você deve conseguir formas de atrair este público ao seu site.
Isso pode ser realizado através de publicações com dicas, liberação de algum tipo de conteúdo que realmente seja relevante para este público.
Desta forma, as chances de cada vez mais a sua marca seja relevante aumentam, o que acaba gerando o marketing boca a boca.

O engajamento é essencial para que uma marca consiga crescer.

5. CONCLUSÃO

Como podemos verificar, não é complicado investir em algumas técnicas que vão levar a sua empresa a crescer cada vez mais. Cometer pequenos erros é comum nesta fase de adaptação, então o foco deve ser evitá-los ao máximo.
Além disso, utilizar as redes sociais leva a sua marca a se aproximar cada vez mais do público, algo bastante positivo. Então, prepare uma equipe para que possa sempre oferecer um retorno para possíveis dúvidas e problemas acerca de publicações em geral.
No mais, aplicando nossas 4 dicas você conseguirá observar a evolução de seu perfil, além da sua constante aproximação com seu público alvo.